RP#37 – SALVAÇÃO E OBRAS

20 de setembro de 2017

0 Flares Filament.io 0 Flares ×


Fala Resistência, episódio 37 no ar! Rodrigo Oliveira, Will Soares e Daniel Oliveira batem aquele papo sobre a correlação entre a Salvação e os meios (obras) de facilitar o acesso a ela. Salvação de quê? Salvação pra quê? Qual o meu papel na salvação da minha própria alma? O que posso fazer para facilitar ou contribuir com a minha salvação? Isso e muito mais neste episódio.

Lembrando que o ganhador do sorteio do livro Estudos No Sermão do Monte, do Dr. Martin Loyd Jones foi anunciado nesse episódio!

COMENTADO NO EPISÓDIO:

Livro: A Cruz de Cristo – John Stott
Sermão: O Senhor, justiça nossa – J.C. Riley
Sermão: O ladrão que creu – Charles Spurgeon

REDES SOCIAIS:

Fanpage do Resistência Podcast no Facebook
Twitter de Rodrigo Oliveira
Instagram Rodrigo Oliveira / Resistência Podcast
Facebook de Will Soares
Facebook de Daniel Oliveira

Edição de áudio e arte da vitrine:  Rodrigo Oliveira

Participe da Confraria Resistência no TELEGRAM OU WHATSAPP 

Nos escreva um e-mail através do endereço resistenciapodcast@resistenciapodcast.com

Ouça, comente e compartilhe. Seja a Resistência!

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Filament.io 0 Flares ×
  • Rodrigo Muniz

    Falai, resistência!

    Ouvi hoje o episódio e gostei bastante. Constatei que, além do tema importante, o Will inaugurou uma nova vírgula: o “saca!”…rs. Gostei especialmente da menção a um canal em que se disse que “Deus escolheu ser amado no próximo”. Muito boa a definição, concordo plenamente. Ouvindo um comentário acerca do evangelho, de que os “mercenários” seriam pessoas que não sabem muita coisa de Bíblia, tive uma outra percepção. Na realidade, eles sabem bastante sim, o problema é o prisma pelo qual interpretam a mesma. Tenho constatado isso ultimamente: um mesmo texto pode ser compreendido e usado em defesa de pontos de vista opostos, dependendo do contexto em que o indivíduo esteja inserido. Não adianta, às vezes, argumentar claramente, se o meio em que a pessoa está a leva a uma interpretação em especial. Por mais que se prove o contrário, a tradição, os dogmas, acabam falando mais alto que a Palavra. Cabendo, assim, apenas à quem de direito o convencimento: o Espírito Santo, com suas “técnicas” de persuasão…rs.

    No demais, irmãos, ótimo programa. Que Deus abençoe a todos os ouvintes!

    Abraços!

    • Sabe que nessa empolgação de querer esclarecer e levar o evangelho eu já cogitei sair de casa pra ir a uma dessas igrejas sentar com o pastor e mostrar que ele está seguindo um caminho que é a antítese do evangelho. Mas eu correria o risco de fazer algo movido por achismos e sem direção do Espírito que, como você mesmo disse, é que convence o homem do pecado e da salvação.

      Muito obrigado pelo teu feedback.

  • Cara, aquele comentário de “como uma pessoa deitada em uma cama de hospital, sem se mexer, pode ‘fazer obras’ para se salvar?” eu nunca tinha pensado! Uma exemplo para demonstrar para aquela pessoa que não consegue entender que é só pela graça, e que Tiago e Paulo falam a mesma coisa hehehe
    Muito bom o episódio!

    Abraço
    EddieTheDrummer (PADD)

    • Daniel de Oliveira

      Fala grande e fiel Eddie!!!! O Spurgeon comenta a mesma coisa sobre o ladrão da cruz. Que boa obra significativa ele pode apresentar na cruz? Sobre Paulo e Thiago. Enquanto Paulo fala da justificação como resultado da obra de Jesus, nos fazendo justos diante de Deus. Tiago por sua vez, busca mostrar que aquele que professa a fé no ensino de Paulo, deve provar a realidade da obra justificativa de Cristo por meio de obras. Assim como um homem rico prova para os outros a realidade de sua riqueza, comprando grandes e belas propriedades, o cristão através de suas atitudes comprova a ação efetiva da salvação de Cristo. Abraços e obrigado pelo feedback.

    • É argumento calvinista nível hard! Não é para os fracos kkkkk
      Obrigado pelo teu feedback, amigo Eddie.

Resistência Podcast © 2016